Você sabe o que é o DPVAT?

O DPVAT é um seguro que possui um caráter social que tem como finalidade indenizar todas as vítimas de acidente de transito, podendo ser passageiros, motoristas, pedestres, nacionais ou estrangeiros.

A guia de pagamento do DPVAT deve ser retirado no seguinte endereçamento eletrônico: https://pagamento.dpvatsegurodotransito.com.br, podendo ser realizada a quitação em quaisquer bancos conveniados que podem ser encontrados por meio do site http://www.seguradoralider.com.br/Pages/Pague-Seguro.aspx.

Além disso, o pagamento do seguro DPVAT deve ser feito em uma única parcela ou na primeira parcela do IPVA, caso tenha parcelado o pagamento deste último.

Os veículos que forem isentos do pagamento do Imposto de Propriedade sobre Veículos Automotores, o pagamento do Seguro DPVAT ocorrerá quando houver o emplacamento do veículo ou quando for realizar o licenciamento anual.

Inclusive, somente será emitido o licenciamento anual após o pagamento do DPVAT.

dpvat

Tipos de Indenização DPVAT




Há 3 tipos de indenização em caso de acidente:

Caso de morte – R$ 13.500,00
Caso de invalidez permanente – Até R$ 13.500,00
Caso de reembolso de despesas médico-hospitalares – Até R$ 2.700,00

 

Como receber o Seguro DPVAT




Não é preciso que haja qualquer intermediário na solicitação do seguro DPVAT, ou seja, você mesmo poderá fazer a solicitação e as seguradoras são responsáveis pelo pagamento das indenizações e esclarecimento de dúvidas.

O pedido deve ser realizado diretamente em uma das unidades do DETRAN do seu Estado.

Prazo para a solicitação do DPVAT

Para solicitar indenização do Seguro DPVAT há um prazo a ser cumprido, ou seja, a partir do acidente até no máximo 03 (três) anos.

Caso seja situação de invalidez, em que o acidentado esteve ou ainda está em tratamento, o prazo passa a ser contado a partir da data da emissão do laudo conclusivo do Instituto Médico Legal.

 

Documentos necessários para a solicitação do DPVAT




1 – Para pedidos de indenização por morte:
  • Boletim de ocorrência policial original ou fotocópia autenticada
  • Certidão de Óbito com informação da causa da morte
  • Certidão de Auto Necropsia ou Laudo Cadavérico fornecido pelo Instituto Médico Legal
  • Carteira de Identidade ou Certidão de Nascimento ou de Casamento ou Carteira de Trabalho ou Carteira Nacional de Habilitação
  • CPF – fotocópia
2 – Documentos dos Beneficiários
  • Carteira de Identidade – fotocópia;
  • CPF – fotocópia;
  • Comprovante de residência – fotocópia;
  • Autorização de pagamento/crédito de indenização de sinistro – Seguro DPVAT;
  • Conta bancária/ cópia dos dados bancários: cartão do banco e extrato bancário.
3 – Cônjuge
  • Certidão de Casamento com data de emissão atual.
  • Companheiro
  • Prova de companheirismo junto ao INSS, ou Declaração de dependente junto à Receita Federal ou Carteira de Trabalho ou Alvará Judicial.
  • Descendente
  • Declaração de Únicos Herdeiros, firmada pelo próprio beneficiário, com duas testemunhas, informando o estado civil da vítima, se deixou ou não filhos ou companheira.
  • Ascendente
  • Declaração de Únicos Herdeiros, com duas testemunhas informando o estado civil da vítima, se deixou ou não filhos ou companheira
  • Certidão de Nascimento da vítima.
  • Colateral
  • Certidão de Nascimento da vítima ou Carteira de Identidade
  • Certidão de Óbito dos pais da vítima
  • Certidão de Óbito do Cônjuge ou filhos da vítima se for o caso
    Certidão de Casamento da vítima com data de emissão atual, indicando o estado civil de separação judicial ou divórcio, se for o caso
  • Declaração de Únicos Herdeiros, com duas testemunhas informando o estado civil da vítima, se deixou ou não filhos ou companheira.
Para pedidos de indenização por invalidez:
  • Boletim de ocorrência policial original ou fotocópia
  • Boletim do primeiro atendimento hospitalar ou ambulatorial
  • Laudo do Instituto Médico Legal da jurisdição do acidente ou da residência da vítima, com as características das lesões físicas e psíquicas sofridas pela vítima
  • Prontuário médico – fotocópia
  • Carteira de Identidade – fotocópia
  • CPF da vítima – fotocópia;
  • Comprovante de residência ou declaração assinada pela vítima com o endereço
  • Comprovante do pagamento do Seguro DPVAT
  • Conta bancária/ cópia dos dados bancários.
Para pedidos de reembolso de despesas médico-hospitalares:
  • Boletim de ocorrência policial original ou fotocópia autenticada
  • CPF da vítima
  • Carteira de Identidade da vítima
  • Comprovante de residência ou declaração assinada pela vítima com o endereço
  • Relatório médico sobre as lesões sofridas pela vítima e o tratamento realizado
  • Relatório do dentista (se for o caso) sobre as lesões sofridas pela vítima e o tratamento realizado
  • Comprovante de pagamento de honorários e de despesas médicas, assim como as respectivas requisições ou receituários – originais
  • Boletim do primeiro atendimento hospitalar ou ambulatorial
  • Comprovante do pagamento do Seguro DPVAT
  • Conta bancária/cópia dos dados bancários: cartão do banco e extrato bancário.

 

Artigos Relacionados

renovação cnh Renovação CNH

A renovação CNH pode ser realizada no Poupatempo, mas ainda é de responsabilidade do Detran SP.

 

renavam Renavam

RENAVAM é um registro onde são unificados todos os cadastros dos veículos automotores que são realizados junto ao DETRAN de cada estado e não um documento como muitos acreditam ser.

ipvaIPVA 

IPVA significa Imposto sobre a propriedade de veículos automotores.

Este imposto deve ser pago anualmente pelos proprietários de veículos nacionais ou importados no Brasil.

consultar multas Consultar Multas

Consultar multas, consulta CNH ou pontos na CNH, para os outros estados se dão da mesma forma no site do Detran do seu respectivo Estado, o site pode ser um pouco diferente mas a funcionalidade e localizações dos itens são muito parecidos.

detran Detran SP

Esclareça as principais dúvidas sobre o órgão Detran SP e consultas.

consulta placa Consulta Placa

Muitas pessoas não possuem o costume de consulta placa dos veículos quando têm pretensão de adquirir um carro seminovo ou usado, consultar placa do próprio veículo.

consulta cnh Consulta CNH

Consulta CNH ou consulta pontuação da CNH é outro serviço oferecido pelo site do Detran SP

pontuação na CNH por sua vez é de responsabilidade do motorista ao contrário do pagamento das multas que é do proprietário do veículo.