Cadastro Único

Tudo sobre o Cadastro Único

O Cadastro Único é um programa do Governo Federal que confere aos cidadãos a oportunidade de acesso a muitos programas sociais, com isso garantido a eles o direito a destacados auxílios econômicos, os quais são essenciais para o sustento dessas famílias.

Vamos conferir todos os detalhes relacionados ao Cadastro Único, tirando todas as suas dúvidas.

Vamos lá.

cadastro único

O que é o Cadastro Único

Também conhecido como CadÚnico, o Cadastro Único é um cadastro que centraliza várias informações sobre as famílias do país.

Com essas informações, todas as esferas do executivo (governos Federal, Estadual e Municipal), conseguem otimizar e definir políticas públicas para atender a esses cidadãos.




Como se cadastrar no Cadastro Único

É muito comum que os municípios façam visitas costumeiras a famílias identificadas como de extrema pobreza, para cadastrá-las no Cadastro Único.

Porém, caso você perceba que sua família tem os requisitos para estar no Cadastro Único, é possível solicitar o cadastro pessoalmente.

Procure a secretaria de assistência social do seu município ou os Centros de Referência em Assistência Social, conhecidos como CRAS.

É possível conseguir informação ou até mesmo fazer o cadastro por lá.

Para fazer o cadastro da família é necessário que um dos membros seja o responsável por informar os dados de toda a família.

Essa pessoa será destacada como o Responsável pela Unidade Familiar (RF).

Para que a família possa ser cadastrada, é importante:

  • Essencial que uma pessoa seja a responsável pela família, para poder responder o questionário no momento do cadastro.
  • Essa pessoa deve morar na mesma casa, ser da família e ter ao menos 16 anos.
  • O responsável pela família (sendo preferencialmente mulher), se faz necessário tanto o Título de Eleitor, quanto o CPF.
  • Famílias indígenas e Quilombolas podem apresentar quaisquer dos documentos listados mais abaixo.
  • Lista de documentos possíveis de se apresentar:

– Certidão de Nascimento;

– Certidão de Casamento;

– CPF;

– Carteira de Identidade (RG);

– Certidão Administrativa de Nascimento do Indígena (RANI);

– Carteira de Trabalho; ou

– Título de Eleitor.

Comprovante de endereço é um bom complemento para ajudar.

 

Gestão do Cadastro Único

A gestão do Cadastro Único é compartilhada entre Governo Federal, Estados, Distrito Federal e Municípios.

Sendo portando descentralizada, tendo todas as esferas do poder executivo de maneira atuante.




Cadastramento diferenciado do Cadastro Único

O Cadastro Único é um programa social que permite de maneira mais efetiva, identificar toda a diversidade social do nosso país, trazendo dessa maneira conhecimento sobre todos os grupos (modo de vida, educação e saúde).

Estes são os 17 grupos populacionais que integram esse cadastramento diferenciado:

Origem étnica

  1. Famílias indígenas
  2. Famílias quilombolas
  3. Famílias ciganas
  4. Famílias pertencentes a comunidades de terreiro
  5. Famílias extrativistas
  6. Famílias de pescadores artesanais
  7. Famílias ribeirinhas
  8. Famílias assentadas da Reforma Agrária
  9. Famílias acampadas
  10. Famílias de agricultores familiares
  11. Famílias beneficiárias do Programa Nacional do Crédito Fundiário (PNCF)
  12. Famílias atingidas por empreendimentos de infraestrutura
  13. Famílias de preso do sistema carcerário
  14. Famílias de catadores de material reciclável
  15. Famílias de pessoas em situação de rua
  16. Famílias de resgatados do trabalho análogo ao de escravo
  17. Famílias em situação de trabalho infantil

 

Calendário de pagamentos do Cadastro Único

O benefício do Bolsa Família, é pago todo mês, seguindo um calendário de extensão nacional.

O dia de pagamento é determinado pelo último do NIS (Número de Identificação Social).

Para identificar esse número basta olhar o número impresso no Cartão Bolsa Família.

 

Consulta aos dados do Cadastro

O Cadastro Único tem dados que identificam os cidadãos e suas famílias, assim como tem dados que não trazem qualquer identificação pessoal.

Esses acessos são diferenciados.

Seguem diferenças:

  • Dados que identificam famílias e pessoas cadastradas são sigilosos.
  • Dados que caracterizam pessoas, famílias e domicílios cadastrados também são sigilosos
  • Dados não identificados são públicos.

Importante ressaltar, que utilizar desses dados de maneira indevida, trará consequências e possíveis punições, nas esferas administrativa, civil e penal.




Consulta ao Cidadão Cadastro Único

Se estiver cadastrado no Cadastro Único e quer consultar informações, utilize o seu Número de Identificação Social (NIS) e acesse esse site:

https://meucadunico.cidadania.gov.br/meu_cadunico/

Telefone

0800 707 2003. Escolher a opção 5.

Aplicativo CadÚnico

Também é possível acesso por aplicativo. Ele pode ser baixado em celular com sistemas Android ou iOS.

Preste atenção nas informações que o aplicativo demonstra, em seguida informe nome, data de nascimento, nome da mãe e estado.

Neste aplicativo você pode consultar seu NIS, observar informações sobre sua família e emitir comprovante do seu cadastramento.

Acesse esse endereço para facilitar o download: https://www.gov.br/pt-br/apps/meu-cadunico

Posted in Benefícios do Trabalhador and tagged , , .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *